segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Silêncio

O silêncio dói. Falar dói, mas o silêncio dói mais ainda. É tão ruim perceber que cada vez mais penso em finais tristes. É péssimo ver que me tornei uma menina chata e pessimista. Tenho tanta vergonha da pessoa que me tornei. Tenho tanto medo do meu novo eu. Tenho tanta raiva de saber que ninguém percebe o tanto que mudei, tenho tanta raiva que as pessoas não verem que eu não sou o que era antes. Eu já sorri tanto, tanto. É tão triste ver que agora choro.

Por que as pessoas não conseguem parar para entender? É tão ruim ter de permanecer no silêncio sempre. Tenho tanto medo de abrir a boca e dizer as coisas erradas. É errado o que sinto, é muito errado. Minhas vontades são grandes erros e por isso tenho tanta vergonha. Imaginar a forma como elas me olham ao ouvir o que sinto, o que sou. É tão ruim ser julgada por o que você sente. Porque as pessoas nem sequer querem entender, elas nunca nem pararam para ouvir. Mas parece-me que não há nada que eu possa realmente dizer, eu não posso mais sentir em paz. Eu tenho que seguir em frente, segurar as lágrimas, sorrir. Eu tenho que aguentar todos falando que sou chata se, sem querer, deixo sair algo. Tenho que ouvir “se acalme” ou “aguenta” todas as vezes que me canso, ou que se cansam de mim. E por isso o silêncio sempre deve permanecer, de agora para frente. Eu odeio o silêncio, ou talvez o ame. Mas eu não quero que ele tome conta de mim.

Queria que os sentimentos pudessem ser falados. 

7 comentários:

  1. irene, me responde uma coisa apenas: voce escreve o que voce realmente sente ou escreve por gostar? seus textos são lindos, mas tão tristes, tão... intensos. - Carolina

    ResponderExcluir
  2. Escrevo o que sinto, e ao mesmo tempo, adoro escrever sobre isso. Mas sim, é o que eu sinto.

    ResponderExcluir
  3. ... Então quando você não aguenta mais, vem escrever aqui?

    ResponderExcluir
  4. Mais ou menos isso. Às vezes eu estou mal, mas não consigo escrever, outras vezes consigo. Mas nem sempre que eu escrevo estou triste ou algo assim. Eu escrevo porque gosto, também.

    ResponderExcluir